mon petit aquarium
"There was a point to this story, but it has temporarily escaped the chronicler's mind." Douglas Adams
04
Out 04

n sei s ja disse q axo indecente q tds vos tenhm tido ponte... ou feito, n importa. um grande "vao p ...." para vcses
p aquels q tiveram 1 dia inteirinh d aulas ou trab... axo bem. eu so tive 2 blocos d 90 min e às 12.35 ja eu tava em casa depois d 15min d caminhada d casa ao colg. é claro q cm d costume perdi o 'tócarro
publicado por mim às 20:28
04
Out 04

como é q s descreve uma cor? uma nota d musica? como é q s explica as sensaçoes q nos dao? sao unicas? sao universais?
porque m sinto aconchegada no azul do ceu? protegida pelo azul tao escuro da noite... envolvida pelo verde do mar... reconfortada por um vermelho quente, como sangue... sangue q corre dentro d todos nos... q nos da vida. q corre para o cerebro e para o coração, q desperta sentimentos, sensaçoes, criatividade. de onde vem isso a q chamamos criatividade, afinal??? às vezes esforçamo-nos, damos tudo por tudo, abrimos a mente, alargamos horizontes, e ela não vem. acreditem, eu sei. expomo-nos aos mais diversos estimulos - auditivos, visuais, you name it -, e, ainda assim, ela, teimosa, não vem. outras vezes, la aparece ela, sempre sem pedir licensa e sempre nas alturas mais inoportunas... chamam-lhe "capacidade de produção do artista" e outras coisas q tal, mas é preciso ser-s "artista" para se ser criativo? inspirado por uma luz divina? ha qm recorra a musas (que é que aconteceu aos "musos"?), mas há qm seja tocado por essa luz sem qualquer esforço. e a criatividade pertence às artes? o que são as artes? desenhar é uma arte, ningm discute isso. fazer música, compor, tambem. esculpir, pintar, moldar, representar, cantar, escrever. ate aqui, tudo bem. estas são aquelas a q s chamam as belas-artes, ainda q seja discutivel a utilização do termo "belas" em certos casos (talvez aqui ate). porque são estas chamadas de "belas"? porque são mais apraziveis aos sentidos?! e tudo aqui q fica por tras? a arte de tratar de uma casa... de receber um cliente... de saber lidar com alunos... de ajudar alguem... de se ser estudante ate... não, ser estudante realmente não é uma arte, perdoem-me. é antes aquilo q nos pode levar à nossa propria arte. isto escrito por algm a qm a sociedade comummente chama "artista" (não q eu não goste) talvez tome um sentido q não é aquele q eu pretendia. não interessa. quão frequente é sermos mal entendidos? ou nem sempre "mal", so entendidos de maneira completamente diferente daquela que nos sentimos. ninguém sabe como é aqui dentro. dentro de cada cabeça. ninguém nunca saberá como é realmente. e lá vamos todos chegar à mesma conclusão - estamos todos sozinhos. podemos dizer que sim, jurar que sabemos o que a outra pessoa está a pensar. sintonia. isso existe? é possivel que haja outra pessoa no mundo sequer a pensar o mesmo que eu ou tu? tenho tantas perguntas, e tão poucas que possam ter resposta... pelo menos uma que seja satisfatória. curiosidade humana, only natural...

sim, ja sei, parece q andei a ler o dicionário e que tinha muito tempo livre...
publicado por mim às 20:22
Outubro 2004
Dom
Seg
Ter
Qua
Qui
Sex
Sab
1
2
3
4
5
6
7
8
9
10
11
12
13
14
15
18
19
22
23
24
25
26
27
28
30
pesquisar neste blog
 
RSS
música