mon petit aquarium
"There was a point to this story, but it has temporarily escaped the chronicler's mind." Douglas Adams
12
Out 08

Às vezes acordo e não sei onde estou. Olho o tecto e penso de onde terão vindo as traves de madeira no tecto do meu quarto. Sento-me, olho à volta, levanto-me e descanso. Afinal sempre foi aqui que pousei a minha cabeça ontem. Estou em Paris.


Mas há dias em que o meu corpo acorda e a cabeça não. Saio do quarto e vejo gente que não devia estar na minha sala de estar, mas na minha sala de aulas. Será que me enganei na porta ou não tirei o pijama? Ah, são só eles, a família de Paris.


Tomo banho, como, saio. Trago chaves estranhas nos bolsos e um código de porta na minha cabeça. Mas as portas de casa não têm códigos! Ah, esquece. Tem sim. Isto é Paris!


Na rua leio placas, sinais, oiço anúncios e pessoas e tudo está em francês. Mas porque raio é que esta gente toda que não sorri está a falar francês a esta hora da manhã? E porque é que cheira a especiarias? Porque é que estou a ir para a faculdade a pé pelo meio de um bairro chinês? Vou para a faculdade... Que realidade alternativa é esta??


E então vejo a patisserie e cheiro os croissants e as baguettes acabadas de fazer e finalmente percebo que estou em Paris! Mais que isso... estou a viver em Paris!

publicado por mim às 18:18
Outubro 2008
Dom
Seg
Ter
Qua
Qui
Sex
Sab
1
2
3
4
5
6
7
8
9
11
14
15
16
17
18
19
20
21
22
23
24
25
26
27
28
29
30
31
pesquisar neste blog
 
RSS
música